Frases para Orkut, Affonso Romano de Sant'ana, Depoimentos, Scraps, Recados para Orkut, Palavras

Pesquisa personalizada

Frase para Orkut

Seja bem-vindo ao site de Frases. Aqui você encontra centenas de Frases de Affonso Romano de Sant'ana, Mensagem, Mensagens de Affonso Romano de Sant'ana, Recados, Recadinhos.


Você está em: Frases » Affonso Romano de Sant'ana » Metamorfose Amorosa

Metamorfose Amorosa

Uma vez, li num texto de Clarice Lispector esta frase: "Toda mãe de filha feia deveria prometer-lhe que ela seria bonita quando a sabedoria do amor esclarecesse um homem.!"
Sublinhei a frase instintivamente. Isto foi há muito tempo. Agora fui lá em A maçã no escuro procurar a frase, e lá estava ela, intacta e forte.
Recolho-a quando a questão da beleza, uma vez mais, vem habitar ostensivamente nosso verão. É que existem vários tipos de beleza. E a mais óbvia é a que todos vêem. Por exemplo, a beleza arrebatadora, avassaladora, que surge imperiosa e exige logo adoração.
É assim com certas mulheres e homens. Entram numa sala e passam a ser o centro de gravidade dos olhares. Aparecem nas telas e capas de revistas e nos hipnotizam. É assim também não apenas com pessoas, mas com certos objetos na vitrina e museus: ficamos medusados diante deles, em pura contemplação. É assim, ainda, com certas músicas que, ouvidas, passam a fazer de nosso repertório existencial e nos harmonizam nos desvãos do dia.
Mas a esse tipo de beleza se opõe um outro. O da beleza que se esvazia, que vai se esmaecendo e se distanciando de si mesma até ficar feia. É como se ocorresse uma metamorfose qualquer. E não estou falando de velhice e desgaste físico, mas da beleza que se esgota e se exaure. Pessoas que perdem o brilho sem que se saiba por que e em que instante exato.
O fato é que a gente olha, de repente, uma pessoa e repara que ela não apenas não está mais bela mas já não é mais bela. É como se a harmonia se interrompesse inesperadamente. Um modo de olhar, a curva do nariz, uma expressão de mau gosto e a beleza se esvai. Se esvai onde? Nela? Em nós? Sabe-se apenas que o que era vidro se quebrou e o amor que tu me tinhas era pouco e se acabou...
Diferente desses tipos um outro aparece e me intriga: o da beleza envergonhada. A beleza acabrunhada de ser bela. Existe? Existe.
Exemplo? Ei-lo.
Ela me confessou, quando menina era tão bonita que já não suportava mais. A todo lugar que ia repetiam-se as louvações carinhosas. Todos que vinham visitar a família desfilavam incontidos elogios. Ao ser apresenta, lá vinha o galanteio. Saindo com amigas, logo se diferenciava. No baile, a mais solicitada.Enfim, dizia ela, um porre! um saco! Parecia que as pessoas queriam tirar pedaço de mim. Outros elogiavam de uma maneira tal como se eu tivesse que fazer alguma coisa para merecer ser bela.
Nesse caso, a beleza passou a ser um ônus, uma cobrança, uma chateação. Daí que ela começou a enfear sua beleza para ser comum como os outros. A tal ponto que hoje o marido de vez em quando lhe diz: - Vê se te arruma um pouco, mulher...
Há, no entanto, uma beleza que não entra com clarins em nossa vida, nem se estampa em silhuetas perfeitas nas páginas do dia. Não é obra sedutora, arrebatadora, exigindo imediatos adoradores.
Ela é percebida aos poucos. Não se constrói linearmente. Um dia você observa que o olhar dela não é tão banal. Que o sorriso irradiou uma mensagem qualquer. Está pronto para descobrir que a pele tem a temperatura exata do seu desejo. Um corpo que parecia tão-igual-a-qualquer-um, súbito, ganha uma delicada aura. A voz, que antes não tinha traço especial, agora fica registrada na memória através de expressões banais, mas gostosas de serem lembradas.
Você está começando a olhá-la e a pensar: se ela não é tão deslumbrante como as outras, por que telefono, por que facilito encontros e por que seu corpo extrai do meu surpresas e maravilhas?
Como quem concede ou entrega um prêmio, como quem deposita a alma no destino do outro, você está pronto a se dizer: é bela, em mim, por mim, para mim. E isto basta. Eu te inventei na tua beleza, que construímos.
Sim, a beleza (descobre-se) também se constrói. Não exatamente (ou apenas) nas mesas de cirurgia plástica. Como as casas se construoem, como as flores, que passam a existir, se olhadas, a beleza se constrói. De nossas carências, de nossas premências ela se constrói, e é um imponderável arco sobre a íris de quem ama.

Fonte: Affonso Romano de Sant'Anna
ID: 842



Últimas Frases

Sobre a Vírgula
Reflexão: Vírgula pode ser uma pausa... ou não. Não, espere. Não espere.. Ela pode sumir com seu dinheiro. 23,4. 2,34. Pode criar heróis.. Isso só, ele resolve. Isso só ele resolve. Ela pode ser a solução. Vamos perder, nada foi resolvido. Vamos perder nada, foi resolvido. A vírgula muda uma opinião. Não...
http://frases.hlera.com.br/reflexao/sobre-a-virgula.htm

Dicionário dos Traídos
Humor: Ateu - Aquele que leva chifre e não acredita. Atrevido - Aquele que se mete na conversa da mulher com o Ricardão. Banana - Aquele que a mulher vai embora e deixa uma penca de filhos. Brahma - Aquele que pensa que é o número um. Brincalhão - Aquele que leva chifre o ano inteiro e...
http://frases.hlera.com.br/humor/dicionario-dos-traidos.htm

Explicação
Cecília Meireles: O pensamento é triste; o amor, insuficiente; e eu quero sempre mais do que vem nos milagres. Deixo que a terra me sustente: guardo o resto para mais tarde. Deus não fala comigo - e eu sei que me conhece. A antigos ventos dei as lágrimas que tinha. A estrela sobe, a estrela desce... - espero a minha...
http://frases.hlera.com.br/cecilia-meireles/explicacao.htm

As obras-primas devem ter sido geradas por acaso
Carlos Drummond de Andrade: As obras-primas devem ter sido geradas por acaso; a produção voluntária não vai além da mediocridade. ...
http://frases.hlera.com.br/carlos-drummond-de-andrade/as-obras-primas-devem-ter-sido-geradas-por-acaso.htm

Coliseu
Cecília Meireles: Cem mil pupilas houve: - cem mil pupilas fitas na arena. Os olhos do Imperador, dos patrícios, dos soldados, da plebe. Os olhos da mulher formosa que os poetas cantaram. E os olhos da fera acossada, do lado oposto. Os olhos que ainda brilham fulvos, agora, na eternidade igual de todos. Cem mil pupilas: - ilustres, insensatas, ferozes, melancólicas, vagas, severas, lânguidas... Cem...
http://frases.hlera.com.br/cecilia-meireles/coliseu.htm

Eu aprendi...
William Shakespeare: Eu aprendi... ...que ter uma criança adormecida nos braços é um dos momentos mais pacíficos do mundo; Eu aprendi... ...que ser gentil é mais importante do que estar certo; Eu aprendi... ...que nunca se deve negar um presente a uma criança; Eu aprendi... ...que eu sempre posso fazer uma prece por alguém quando não tenho...
http://frases.hlera.com.br/william-shakespeare/eu-aprendi.htm

Mais Frases e Palavras

Mande Frases para os seus amigos no seu Orkut
Seja bem-vindo ao site de Frases para Orkut. Aqui você encontra centenas de frases e palavras que você pode usar no Orkut, MySpace, no seu Blog, Fotolog, etc.

Frazis, Frazes, Fraze, Frazi, Frase? Você quis dizer: Frases?




Frases para Orkut - Não somos afiliados ao Orkut, Google, ou qualquer outra instituição citada. Prestamos apenas um serviço de utilidade pública, que diz respeito ao envio de frases e palavras para o Orkut. Todas as mensagens são de propriedade de seus respectivos autores. Política de Privacidade

Parceiros: HLERA, Orkut, Fotolog, YouTube, Baladas, Garotas, Gaspar, Cama e Banho, Resumo de Livros, Lençol de Malha, Frases, Cursos, Carros
Carnaval 2009, Desenhos, Mensagens, Músicas Grátis, Últimas Notícias, Piadas engraçadas, Poemas, Galera na Festa, Recados para orkut, Web Designer
Web Designer